Blog pessoal de José Castanheira, membro do Partido Comunista Português, eleito na Assembleia Municipal de Olhão pela CDU, e candidato por esta coligação, à Presidência da Câmara Municipal de Olhão
publicado por Vai a Olhão, vai... | Quinta-feira, 02 Julho , 2009, 18:10

Meu caro amigo,                                                

Li com toda a atenção as suas amáveis palavras, como li ainda com mais atenção as suas observações sobre o conteúdo deste blog.
Este escrito, não visa bem, responder-lhe, mas sim, estabelecer, se me permite, algum diálogo com o amigo João de Lisboa e de alguma forma aprofundar a reflexão que temos vindo a fazer em torno duma eventual barreira (?!), que tem levado a que o voto na CDU, nas Autarquias, em Olhão, não tenha mais expressão, quando esta força é a única que procura desmistificar as práticas da gestão socialista e a única que sistematicamente apresenta propostas para tentar resolver problemas do Concelho.
Em primeiro lugar, quero dizer-lhe que tenho consciência de que um blog deste tipo, expõe o seu autor. Aqui fica o que ele (bem ou mal), pensa e certamente haverá posts mais felizes e outros menos felizes. Mas mesmo isso já é uma tentativa de desmistificar alguns preconceitos. Os comunistas e os elementos ligados à CDU, são homens e mulheres como os outros, que trabalham e labutam, riem e choram, fazem coisas bem-feitas e outras menos bem-feitas como toda a gente. Não são seres insensíveis. São humanos. E como tudo o que é humano, pode causar desgaste. Admito-o, sem qualquer problema.
Em segundo lugar, não é a primeira pessoa que me transmite essa ideia que posso estar a conceder demasiado “tempo de antena” ao “senhor” Leal. Mas deixe-me dizer que desde o inicio este blog, previu dois tempos. Um primeiro tempo de “radiografia”, isto é, em que se tem tentado fazer o “retrato” do homem que há largos anos está à frente da gestão do Concelho. Isto porque estou convencido que muitos conterrâneos nossos não têm informação para ter uma opinião mais consentânea sobre aquilo que é o gestor e o homem a quem têm confiado os destinos da nossa terra.
Portanto tem sido essa a linha seguida até agora. Fornecer alguma informação que ajude a um voto mais consciente se possível.
Já está a demorar tempo de mais? Já chega? Também admito que sim, embora seja difícil, pois ele não pára de nos surpreender. Ainda na última sessão da Assembleia Municipal, ele revela novas facetas da sua forma de estar na vida pública, colocando-se a um nível, que é o nível da deturpação, da mistificação e da mentira, a propósito da posição dos eleitos da CDU, relativamente ao S C Olhanense, coisa que me parece imprópria duma pessoa com a responsabilidade que ele tem. Mas isso é outro assunto, que analisarei noutra altura.
Depois estava prevista uma segunda linha de trabalho, que contempla a divulgação das nossas ideias, candidaturas e propostas para Olhão. O seu comentário acaba por vir ao encontro disto.
É este o momento da viragem? Há que passar a outro nível de questões? É agora a altura certa para isso?
Provavelmente as duas linhas de trabalho confluem, pois a CDU é uma força de combate ao que está mal e de proposta para ajudar a resolver, e naturalmente as duas vão caminhar lado a lado…
Portanto, denunciar, combater e propor é a dialéctica da nossa postura. Sempre. Em Olhão e em todo o lado.
Podemos tentar equilibrar isto melhor? Vamos tentar!
Volto a agradecer os seus reparos e cumprimento-o
José Castanheira

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
blogs SAPO